Espaço SER- Psicologia

O Espaço SER- Psicologia é um local de encontro entre terapeutas de várias abordagens e clientes. Temos como proposta, promover através dos atendimentos e das atividades oferecidas, um movimento contínuo de transformação e reciclagem e bem estar.

Este Espaço visa promover a troca de informações, discussões e apoio psicológico todos os interessados em saber um pouco mais de psicologia, Gestalt Terapia, Terapia Sistêmica, de casal, família ou terapia de grupos.

Além de atendimentos clínicos individuais, casal, família e grupos, oferecemos outras atividades para estudantes de psicologia, psicólogos ou mesmo para o público em geral.


Entre em contato e saiba mais!

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Novo Logo!!

    Bom dia a todos!!
    É com enorme prazer que apresentamos a vocês nosso novo logo do Espaço SER Psicologia!
    Estamos muito felizes com essa nova imagem que é a nossa cara e foi produzida com muito carinho e dedicação, a mesma dada a cada cliente aqui do Espaço.
    Espero que gostem!!
    Obrigada a todos que contribuiram!


Nathália Villela de A. Bezerra.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

O Terapeuta Gestáltico!

    O terapeuta na Gestalt terapia será um colaborador para que o cliente tenha a oportunidade de ser o narrador de sua própria história. Nós ajudaremos a identificar as necessidades e o que para o cliente "Faz sentido"!

"A psicoterapia então vai ajudar o cliente a rever suas histórias e recriá-las permitindo uma compreensão das origens e significados de suas dificuldades atuais, favorecendo uma mudança concebível, alcançável e acreditável". OLIVEIRA, Danielle (2010).


Nathália Villela de A. Bezerra.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

SER você mesmo!



“Desde o princípio de nossas vidas, desenvolvemo-nos num âmbito totalmente contrário à ordem natural e às exigências de expressão de nossas naturezas particulares. As flores do jardim não tem a possibilidade de sentir vergonha ou culpa por serem o que são. Por mais que tentássemos, nunca conseguiríamos que uma margarida se parecesse com uma rosa, embora seja isso o que fazemos com nossas crianças”. Spangenberg .